www.engenharia-brasil.com
Fluke Brazil News

COMO O MONITORAMENTO DE ENERGIA PODE AUMENTAR A PRODUTIVIDADE DAS INDÚSTRIAS

Por Rodrigo Pereira, Gerente de Contas da Fluke do Brasil do segmento de energia.

COMO O MONITORAMENTO DE ENERGIA PODE AUMENTAR A PRODUTIVIDADE DAS INDÚSTRIAS

A indústria brasileira é uma das maiores consumidoras de energia elétrica da atualidade, como apontam os dados da EPE (Empresa de Pesquisa Energética), que revela que este mercado consome 36% da energia disponível para todos os setores do país. No entanto, para que este cenário seja minimizado, há algum tempo a indústria tem investido em projetos de eficiência energética e, como resultado de tais implementações, cálculos realizados pela EPE indicam que até 2030, os ganhos de eficiência energética reduzirão aproximadamente 6% do consumo de eletricidade no setor.

Levando em conta esta projeção e a importância de se investir cada vez mais em qualidade de energia e eficiência energética, é fundamental acompanhar a saúde operacional de todos os componentes de uma instalação, a fim de evitar falhas inesperadas e tempo de inatividade dos equipamentos. Neste sentido, o monitoramento de energia surge como um grande aliado às equipes de manutenção, uma vez que, por menor que seja a falha ou manutenção necessária, ela não passará despercebida, auxiliando na redução do alto consumo de energia elétrica.

Benefícios do monitoramento de energia
O monitoramento de energia por si só já é vantajoso para as indústrias, porém, se o técnico não estiver no lugar correto e no momento certo, pode não captar determinada falha que um equipamento vem apresentando. Por isso, o monitoramento e registro contínuo de energia elétrica oferece uma série de vantagens que possibilitam o uso inteligente de dados para uma gestão mais eficiente das máquinas industriais. Um de seus principais benefícios é o acesso em tempo real aos dados de consumo, demanda e fator de potência das unidades monitoradas, os quais facilitam a interpretação das informações e a tomada de decisão final.

O monitoramento realizado através de equipamentos com conectividade e autonomia no registro de dados também possibilita a identificação de possíveis desperdícios, indica exatamente o momento de queda de energia e diminui as atividades de manutenção preventiva ou reparos de emergência, reduzindo, portanto, os gastos da companhia.

Aumento de produtividade
O monitoramento contínuo de energia garante também uma gestão energética mais eficiente, segura e econômica, além de possibilitar aos técnicos de manutenção conhecer cada detalhe das operações e compreender todo o consumo de energia da indústria em que trabalha. Com esse tipo de controle é possível identificar, por exemplo, energia reativa e evitar, até mesmo, multas. Quando o monitoramento de energia é feito de forma contínua e sistematizada, a tomada de decisão é mais segura em direção à eficiência energética e à redução de custos, além de possibilitar o registro e processamento de dados do consumo em tempo integral.

Atualmente, existem diversos equipamentos que realizam o monitoramento do consumo de energia remotamente. Esses equipamentos observam tensão, corrente e frequência e são capazes de projetar essas medições em dispositivo inteligente, como um telefone celular, tablet ou computador. Com o monitoramento garantido, as falhas dos equipamentos são minimizadas, as paradas inesperadas passam a ser monitoradas e evitadas, e as equipes, são liberadas para atividades mais estratégicas, colaborando para aumentar a produtividade da indústria.

Assim, medir o consumo de energia, acompanhando os dados de forma contínua e direcionada ao resultado final, é o fator-chave para as empresas que pretendem alcançar os níveis mais avançados de gestão. O monitoramento contínuo de energia mostra-se, cada vez mais, a melhor solução para as indústrias que investem em eficiência energética, produtividade e inovação, uma vez que provê aos gestores o elemento de trabalho mais precioso dos dias atuais: dados de qualidade.

www.fluke.com

  Peça mais informações…

LinkedIn
Pinterest

Junte-se aos mais de 15 mil seguidores do IMP